Decisão do Superclássico das Américas será no dia 21 de novembro


JOgadores brasil x argentina jefferson - (AGÊNCIA AP) (Foto: Agência AP)
A Conmebol confirmou, nesta sexta-feira, que a decisão do Superclássico das Américas será mesmo no dia 21 de novembro, na La Bombonera, em Buenos Aires. Originalmente, a partida deveria ter acontecido em 3 de outubro, na cidade de Resistencia, na Argentina. No entanto, o confronto foi cancelado por problemas de energia no Estádio Centenário, quando as duas seleções já estavam em campo.
Na partida de ida, em Goiânia, o Brasil venceu a Argentina por 2 a 1. Para ser bicampeão, o time de Mano Menezes joga apenas pelo empate contra os comandados de Alejandro Sabella. O regulamento do torneio só permite a convocação de jogadores que atuam nos dois países.
Nesta sexta-feira, antes da confirmação da Conmebol, o diretor de seleções da CBF, Andrés Sanches, disse em Breslávia, na Polônia, que só está sabendo do que foi veiculado na imprensa Argentina e repercutido nos meios de comunicação brasileiros.
Sem datas no calendário e sofrendo pressão dos clubes nacionais por conta da reta final do Campeonato Brasileiro, a CBF não queria fazer esse jogo ainda este ano. Tentou até decretar o Brasil como campeão por ter vencido o primeiro jogo. Não deu.
Com a confirmação da nova data, novamente a entidade terá de conviver com as reclamações do clubes, já que a partida foi remarcada na semana que antecederá a penúltima rodada da competição. E nesse caso em maior escala, já que no Superclássico das Américas só é possível chamar jogadores que atuam no Brasil.
Antes disso, porém, com a Seleção completa, há um amistoso contra a Colômbia, no dia 14 de novembro, em Nova Jersey. Mano Menezes, aliás, estuda uma maneira de prejudicar o menos possível os times que estão envolvidos em decisões no Brasileiro.

Leia mais em:
Link:

Atualizar


Imprimir


Ao comentar, o usuário está ciente sobre a Política de Privacidade