ELEIÇÕES 2012: Em Porto Alegre, presidente Dilma Rousseff despista sobre voto

A presidente Dilma Rousseff votou em Porto Alegre na manhã deste domingo (7). Ela chegou à Escola Estadual Santos Dumont, na Vila Assunção, Zona Sul da capital gaúcha, às 9h20, acompanhada do governador Tarso Genro. Em poucos segundos, confirmou sua escolha para prefeito e vereador nas eleições municipais de 2012. Antes, cumprimentou os mesários e eleitores que estavam na seção. Depois do voto, posou para fotos ao lado de Tarso.

Muita gente já nasceu na democracia, mas muita gente se lembra do que é não ter o direito ao voto", disse a presidente, na saída da escola. "Mais uma vez reiteramos que esse é um país com regras, com essa imensa festa que é escolher quem vai dirigir sua cidade. Desejo a todos os porto-alegrenses, gaúchos e brasileiros, todos eles e todas elas, uma ótima eleição"

Questionada pelos jornalistas sobre em qual candidato votou para a Prefeitura de Porto Alegre, Dilma despistou. "O voto é secreto, gente", disse, acrescentando que três candidatos fazem parte da base aliada de seu governo. Quando perguntada sobre São Paulo, mais um despiste: "Eu não voto em São Paulo".

Dilma chegou a Porto Alegre às 12h15 de sábado (6) e seguiu para a casa do ex-marido, onde visitaria a filha e o neto. Depois do almoço ela foi para o seu apartamento, também localizado na Zona Sul. A agenda da presidente, divulgada pelo Palácio do Planalto, mostra que a partida de Porto Alegre para Brasília está marcada para as 10h deste domingo, com chegada prevista para as 12h10.

A presidente se manteve distante da campanha eleitoral na capital gaúcha e não abriu seu voto. Os três candidatos que lideraram as pesquisas antes das eleições em Porto Alegre integram a base aliada do governo: José Fortunati (PDT), Manuela D’Ávila (PCdoB) e Adão Villaverde (PT).

G1
Leia mais em:
Link:

Atualizar


Imprimir


Ao comentar, o usuário está ciente sobre a Política de Privacidade