Homem vem ao DF para conhecer namorada virtual e acaba vítima de golpe

Há seis dias, um estudante de um curso de formação para detetive vive momentos de tristeza e angústia em Brasília, após ter sido vítima de um golpe na internet. Romário Barros Amazonas, de 24 anos, mora no município de Guajará-Mirim, em Rondônia, e veio a Brasília, no dia 28 de outubro, para conhecer uma moradora do DF, com a qual ele mantinha um relacionamento amoroso à distância. Ao chegar à cidade, o homem foi roubado e abandonado perto do Lago Paranoá. A ocorrência foi registrada na 5ª Delegacia de Polícia (Centro de Brasília).

Segundo a denúncia, Romário Barros teria conhecido uma mulher, identificada como Tatiana Cristina Faria, há seis meses e, neste período, teriam começado a namorar por meio de redes sociais. A mulher o teria convencido a emprestar R$ 2.500 para ajudar a pagar uma suposta cirurgia de uma tia. Já envolvido e sem suspeitar de nada, o homem viajou 2.500 quilômetros para encontrá-la.

A mulher o recebeu no Aeroporto JK e disse que o levaria até a casa dela. No percurso, feito de carro, a vítima foi surpreendida por homens armados, que o renderam. Os bandidos levaram a mala e o dinheiro do jovem, que foi abandonado no Lago Paranoá.

Mesmo transtornado com o ocorrido, Romário Barros caminhou até a 5ª DP, onde registrou o fato. Após o golpe, ele entrou em contato com os pais dele, mas ambos não têm recursos para pagar a viagem de volta à Rondônia. Usando a mesma roupa desde o dia do crime, o homem permanece em um albergue em Taguatinga.

Correio Braziliense
Leia mais em:
Link:

Atualizar


Imprimir


Ao comentar, o usuário está ciente sobre a Política de Privacidade