Vereador de Valparaíso é baleado ao sair de reunião na Câmara


O vereador Professor Silvano (PT/GO), eleito em Valparaíso/GO, foi baleado nesta sexta-feira (30/11) ao sair de uma reunião na Câmara Municipal. De acordo com fontes que estavam presentes no local, a primeira suplente da coligação do PT, identificada como Cláudia, percebeu uma movimentação estranha dentro do próprio carro e começou a gritar. Três pessoas estavam dentro do veículo. “Ela tinha estacionado em um local mais afastado e quando chegou ao carro, os bandidos a abordaram. Ouvimos um grito muito forte e, quando chegamos, vimos que um homem a puxava pelo cabelo para tentar jogá-la dentro do carro.”, relata Professor Silvano.

O vereador conta que gritou para que o assaltante soltasse a suplente. Nesse momento, os bandidos entraram no carro e atiraram durante a fuga. Uma das balas acabou se alojando na perna e fraturando a tíbia de Silvano, que de imediato foi encaminhado para o Hospital Regional do Gama. Após o incidente, os atiradores entraram no carro de Cláudia, um C4 Pallas, e fugiram. Eles chegaram a roubar R$ 1 mil.

O vereador deve permanecer internado por cerca de oito dias. Ele está sendo medicado por antibióticos para definir se haverá ou não necessidade de cirurgia. Fontes do governo disseram que o ataque pode ter sido premeditado. Ocorre que, segundo informações passadas ao Correio Braziliense, a suplente Cláudia tem fisionomia muito semelhante à da prefeita da cidade, Lucimar - que promovia a reunião de formação política dos partidos que a apoiam na ocasião. A polícia tenta recuperar o veículo roubado e capturar os autores dos tiros.
Leia mais em:
Link:

Atualizar


Imprimir


Ao comentar, o usuário está ciente sobre a Política de Privacidade