Empresa cancela voo e deixa 200 pessoas esperando em saguão do aeroporto

Um voo previsto para sair de Brasília com destino a Miami às 11h da manhã desta quinta-feira (3/1) foi cancelado. Cerca de 200 pessoas, das quais pelo menos 30 são crianças, estão no saguão do aeroporto, e apenas por volta das 16h30 receberam vouchers de alimentação. 

Ainda nesta tarde, um voo da TAM com o mesmo destino decolou com mais de 50 lugares vagos, e nenhum dos consumidores prejudicados foi acomodado na aeronave, segundo os passageiros.

Agora, os passageiros estão prestando queixa no Juizado Especial do Aeroporto de Brasília.

Segundo as normas da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), cujo link está disponível no próprio site da empresa aérea, em caso de atraso, cancelamento de voo ou preterição de embarque, o passageiro que comparecer ao aeroporto tem direito:

- a partir de duas horas: alimentação (voucher, lanche, bebidas, etc).
- a partir de quatro horas: acomodação ou hospedagem (se for o caso) e transporte do aeroporto ao local de acomodação. Se você estiver no local de seu domicílio, a empresa poderá oferecer apenas o transporte para sua residência e desta para o aeroporto.

Em caso de cancelamento os passageiros têm direito, caso estejam no aeroporto, a receber reembolso integral, incluindo tarifa de embarque; a remarcar o voo sem custo, para data e horário de sua conveniência; ou a embarcar no próximo voo da mesma empresa ou de outra empresa aérea, para o mesmo destino, sem custo, se houver disponibilidade de lugares.

A assessoria da American Airlines informou que o voo AA 248 precisou passar por manutenção e por isso foi cancelado. Eles afirmaram que os passageiros serão realocados em outros voos.

Correio Braziliense
Leia mais em:
Link:

Atualizar


Imprimir


Ao comentar, o usuário está ciente sobre a Política de Privacidade