Homem finge ser sobrinho de Agnelo e tenta aplicar golpe no secretário de Segurança

Um homem foi preso na tarde dessa quinta-feira (24/1) no Palácio do Buriti quando tentava aplicar um golpe no secretário de Segurança do DF, Sandro Avelar. Na quarta-feira, Wellington Pereira da Silva Queiros, 32 anos, entrou em contato com assessores de Avelar solicitando uma audiência. Ele afirmou ser sobrinho de Agnelo Queiroz e ter sido instruído a procurá-lo pelo próprio governador. O chefe da pasta desconfiou do pedido, mas marcou o encontro.

Avelar entrou em contato com Agnelo, que informou não ter nenhum parente com esse nome. O secretário checou os antecedentes criminais do rapaz e descobriu que ele tinha passagens por estelionato, roubo, tentativa de latrocínio e injúria e ameaça (Lei Maria da Penha), mas decidiu chamá-lo ao gabinete. Ontem, enquanto era recebido pelo chefe de gabinete da Secretaria de Segurança, Wellington acabou detido em flagrante por tentativa de estelionato.

No momento da prisão, o homem portava vários documentos pessoais de terceiros, inclusive um talão de cheques. Ele foi encaminhado à 5ª DP, que investiga do caso. “Fiquei impressionado com a ousadia dele”, afirmou o delegado Rogério Dantas.

Correio Braziliense
Leia mais em:
Link:

Atualizar


Imprimir


Ao comentar, o usuário está ciente sobre a Política de Privacidade